11 Setembro, 2019 17:00

Militares da reserva remunerada farão a segurança de prédios públicos

Os praças retornam à ativa para exercer funções de guarda e segurança interna de espaços da Administração Estadual.
Militarem se apresentam para atuar na segurança de prédios públicos.

Policiais militares convocados para o serviço da Divisão de Núcleo de Voluntários da Reserva Remunerada se apresentaram nesta quarta-feira (11) ao secretário de Administração e Previdência, Merlong Solano. Os praças retornam à ativa para exercer funções de guarda e segurança interna de espaços da Administração Estadual, dentre eles os prédios da Ouvidoria Geral do Estado, do Sistema Nacional de Emprego (Sine-PI) e do Piauí Center Modas.

Segundo o secretário de Administração e Previdência, Merlong Solano, a medida, além de garantir a segurança de locais em situação de vulnerabilidade, gera economicidade aos cofres públicos. "A parceria da SeadPrev com a Polícia Militar do Piauí nos permitiu reduzir custos, por conta da substituição de mão de obra terceirizada de empresas de segurança privada ou mesmo de policiais da ativa por militares da reserva, que atuarão no policiamento noturno e diurno", explicou o secretário.

De acordo com o capitão Abreu, que acompanhou os policiais em audiência na SeadPrev, os praças que retornarem ao trabalho continuarão recebendo o salário de reformado somado a uma gratificação, dependendo da patente, além de fardamento e armamento.

Ao todo, 18 militares da reserva retornam às atividades de segurança e policiamento de espaços públicos.